Home

Remédios Suplementos e Vitaminas Vitamed  Vacinas  Para Alérgicos


Faça sua busca aqui !
Clinaire






ABCdoPRECO

PRODUTOS

Bula do Cefalium


Dica de compra
CEFALIUM
A+ A- Alterar tamanho da letra
- Composição
cada comprimido contém: mesilato dediidroergotamina 1 mg; paracetamol 450 mg; cafeína 75 mg; cloridrato de metoclopramida 10 mg.

- Posologia e Administração
tomar 1 a 2 comprimidos ao primeiro sinal de enxaqueca; caso não haja melhora da sintomatologia, ingerir 1 comprimido a cada 30 minutos, até um máximo de 6 comprimidos ao dia.

- Precauções
deve ser reservado ao tratamento das crises de dor; não é indicado para tratamento prolongado ou profilático. Devido às ações estimulantes da cafeína sobre a secreção gástrica, recomenda-se o seu uso em pacientes portadores de gastrite e úlceras gastroduodenais, somente após criteriosa avaliação médica dos riscos e benefícios. Em tratamentos prolongados é aconselhável o controle hematológico, pois reações adversas idiossincrásicas excepcionalmente podem ocorrer. Ocasionalmente pode ocorrer sedação, que por sua vez pode afetar reações do paciente ao dirigir veículos, operar máquinas, etc. Os efeitos do álcool podem ser potencializados pelo produto. Interações medicamentosas: o uso concomitante de eritromicina e troleandomicina pode elevar a concentração de ergotamina no plasma. Deve-se evitar a ingestão concomitante de Cefalium com propranolol e anticoagulantes orais.

- Reações adversas
Cefalium geralmente é muito bem tolerado. Ocasionalmente foram observadas náuseas, vômitos, reações de hipersensibilidade, incluindo erupções cutâneas, fraqueza nas pernas, dores musculares, entorpecimento e formigamento dos dedos. - Superdosagem: os sintomas da superdosagem aguda de ergotamina incluem cefaléia, vertigens, náuseas, vômitos, fenômenos alérgicos, ergotismo, choque, elevação súbita da pressão arterial. Raramente pode ocorrer insônia, nervosismo, náusea e diurese profusa. O tratamento da superdosagem consiste na remoção do produto pela indução da êmese, lavagem gástrica e tratamento sintomático. Acetilcisteína ou metionina são usados como antídotos, nos casos de envenenamento acidental pelo paracetamol. Pode ser indicado o uso de anticoagulantes e drogas vasodilatadoras.

- Contra-Indicações
hipersensibilidade prévia a qualquer um de seus componentes ativos. Doenças vasculares periféricas, doença vascular obliterante, doença coronariana, diabetes, hipertensão arterial, função renal ou hepática comprometida, gravidez e lactação.

- Indicações
crises agudas de enxaqueca e cefaléias de origem vascular.

- Apresentação
comprimidos em blister de 12.