Home

Remédios Suplementos e Vitaminas Vitamed  Vacinas  Para Alérgicos


Faça sua busca aqui !
Clinaire






ABCdoPRECO

PRODUTOS

Bula do Yomax 5,4 Mg Caixa com 60 comprimidos


Dica de compra
YOMAX
A+ A- Alterar tamanho da letra
- Composição
cada comprimido contém: cloridrato de loimbina5,4 mg. excipientes q.s.p. 1 comprimido. Excipientes: lactose, celulose microcristalina, estearato de magnésio, aerosil 200.

- Posologia e Administração
adultos: um comprimido de Yomax 3 vezes ao dia. Se ocorrerem reações como náusea, tontura ou nervosismo, a dosagem pode ser reduzida para 1/2 comprimido, 3 vezes ao dia. Posteriormente a dose deve ser aumentada gradualmente para 1 comprimido, 3 vezes ao dia. O tratamento não deve ser superior a 10 semanas. - Superdosagem: doses diárias de 20 a 30 mg podem aumentar a freqüência cardíaca e a pressão sangüínea e produzir rinorréia e piloerecção. Sintomas mais severos, ligados a dosagens extremamente altas podem incluir incoordenação, parestesias, tremores e estados dissociativos. A intoxicação deve ser tratada pelo restabelecimento do equilíbrio líquido e pela administração parenteral de adrenérgicos.

- Precauções
podem decorrer 2 ou 3 semanas antes que os efeitos de Yomax se tornem evidentes. Pacientes recebendo loimbina devem estar sob supervisão de especialistas habituados ao seu uso. Não utilizar Yomax em pacientes com distúrbios psiquiátricos ou cardiorrenais, e com história de úlcera gastroduodenal. Recomenda-se a monitoração periódica quanto à pressão arterial e freqüência cardíaca. Geralmente o produto não é usado em mulheres. Gravidez e amamentação: não utilizar durante a gravidez, ou a amamentação. Pediatria: não utilizar em crianças. Geriatria: não utilizar em pacientes idosos. Interações medicamentosas: não administrar Yomax com antidepressivos ou drogas que modificam o humor. Com a clonidina e similares pode ocorrer uma inibição da atividade anti-hipertensiva (antagonismo ao nível dos receptores).

- Reações adversas
sistema nervoso central: a loimbina penetra facilmente no SNC e produz um completo padrão de respostas com doses menores do que aquelas requeridas para produzir bloqueio alfa-adrenérgico. Estas incluem antidiurese e excitação central incluindo hipertensão e taquicardia, aumento da atividade motora, irritabilidade, vertigem e nervosismo. Foram relatadas como de ocorrência rara: náusea ou vômito, cefaléia, transpiração, erupção cutânea, rubor e tremor.

- Contra-Indicações
hipersensibilidade a qualquer um dos componentes da fórmula. Pacientes com disfunção renal ou hepática, angina pectoris, hipertensão e doenças cardíacas.

- Indicações
midriático e simpaticolítico. Disfunções sexuais masculinas, de origem psicogênica, vascular ou diabética, têm sido tratadas com sucesso com loimbina. A loimbina tem sido usada, principalmente por urologistas, no tratamento e/ou no diagnóstico de certos tipos de disfunções da ereção masculina. É proposto também nos casos de hipotensão ortostática, particularmente naquela induzida pelos antidepressivos tricíclicos.

- Apresentação
caixa contendo 60 comprimidos.